20%
OFF

Centenário da Irmandade do Rosário - Jeremias Brasileiro

€4,85 €6,06
Share

Esse livro documento é um elo que liga o ancestral ao moderno; é uma ponte de saber; é uma viagem ao passado não tirando o pé da realidade. É o ponto de partida de uma história de fé, um caminhar constante em meio às flores e pedregulhos do caminho, com muita estrada pela frente.”

 "Uma história de Uberlândia em preto e branco" não é apenas um livro iconográfico, é uma história de devoção, desafios, querelas e conflitos; é um documentário onde o autor, historiador e pesquisador vêm montando há tempos um quebra cabeça, um juntar de recortes no intuito de registrar e arquivar no papel o quase todo dessa tradição para o enriquecimento público e não apenas em memórias vivas e anônimas.

A partir de sua visão e também como personagem da história, Jeremias Brasileiro vai à busca dos mais remotos e possíveis dados tecendo assim informações com embasamentos em referenciais teóricos contundentes; colocando em conversação as teorias de seus estudos alinhavadas às práticas e depoimentos irretocáveis de um povo sofrido e discriminado, mas que com a força da fé mantêm-se resistentes fincando em Uberlândia sua estada de religiosidade, cultura e muito trabalho ao longo desses cem anos. Por: Raquel Ordones - apresentadora o livro.

Este livro nos possibilita um primeiro contato sobre a realidade do Congado em Uberlândia a partir de outro prisma, outra perspectiva, outro olhar. Articular memória junto com historiografia é sem dúvida um exercício intelectual interessante visto que, ora o autor é um historiador da palavra, ora é um garimpeiro de imagens.  

A visão do autor vai além do que se é mostrado nos encontros das Congadas, ele busca por meio de fotos, imagens, documentos, acervos, histórias orais dos anciões da Congada, a presença significativa deste povo no cotidiano da cidade no sentido de não deixar que a modernidade sufoque ou até mesmo faça que deixe de existir tal manifestação, ou melhor, faz um algo que foge aos nossos olhos, que é estar sempre buscando reativar a memória, não deixando que esta venha a se perder ao longo do tempo. Por:  Maria Betânia - Prefaciadora do livro

Sobre o autor

Jeremias Brasileiro é historiador, doutorando em história na Universidade Federal de Uberlândia, cronista, poeta, pesquisador. Desenvolve estudos para fomentar várias práticas educativas com enfoque na cultura popular e cultura afrobrasileira, no intuito real de oferecer referenciais teóricos e metodológicos de forma a contribuir com didáticas possíveis de ser trabalhadas pelo viés da pedagogia congadeira trabalhando assim com suas varias vertentes que são interdisciplinares. Possui diversos artigos e livros publicados a respeito de questões etnicorraciais, e, com atuação na área de História e Cultura, realiza palestras e ministra cursos de aperfeiçoamento e de especialização em várias instituições de ensino superior, médio e fundamental do país. Pesquisa as diversas modalidades culturais do Congado existentes em várias regiões de Minas Gerais. É Comandante Geral da Festa da Congada de Uberlândia e do Reinado do Rosário de Rio Paranaíba-MG.